Flauta Transversal

A Flauta Transversal consiste em um instrumento de sopro metálico, com chaves para os dedos. A flauta transversal – a versátil dos sopros- possui um vasto repertório orquestral e camerístico, do período barroco ao clássico. Especialmente utilizada na música instrumental brasileira desde o século. XIX: das modinhas no Império ao Choro e mais recentemente na Bossa Nova e MPB. Privilegiamos a participação em Duos, Trios, Quartetos ou outras formações musicais adequadas ao estágio e ao gosto de cada aluno. Além da metodologia tradicional apoiada por métodos como Taffanell & Gaubert, é dada ênfase também a questões como: Respiração, Emissão do Som, Postura Corporal e claro Leitura, Ritmo e Percepção Musical.

 

 

Professores

Julio Ferreira

Natural de São Paulo, onde estudou flauta transversal com Vicente de Lima, João Dias Carrasqueira e Toninho Carrasqueira. A partir de 1992 estudou saxofone com Demétrio Lima, primeiro sax alto da Orquestra Jazz Sinfônica. Tocou nas mais variadas formações instrumentais do clássico ao jazz e também música instrumental brasileira. Foi arte-educador no ensino fundamental, por quatro anos. É professor da Musikalina desde 1999.

 

Patricia Zaparoli

Natural de São Paulo, aos 8 anos de idade iniciou seus estudos musicais no Conservatório André da Silva Gomes onde formou-se em violão clássico e flauta transversal. Participou de oficinas de música e workshops de musicalização infantil e música para terceira idade, acumulando desde então, vasta experiência em educação musical. Há 20 anos é a primeira flautista da Orquestra da FEESP, e desde 2012 integra a Camerata Vassileva.


 Ligue e agende sua aula!
+55 (11) 55429079